Conheça dicas poderosas para aumentar as vendas no e-commerce

Conheça dicas poderosas para aumentar as vendas no e-commerce

Que a internet revolucionou o mundo, não é novidade para ninguém. Dentre tantos exemplos, uma das situações que ilustram essa realidade pode ser vista no cenário econômico desafiador por qual o Brasil passou a partir de 2014. Nem o período difícil da economia nacional foi capaz de abalar as vendas no e-commerce.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o crescimento do setor em 2017 foi de 12% em relação ao ano anterior, com faturamento girando em torno de R$ 59,9 bilhões. E o crescimento não para por aí! Segundo a entidade, a expansão para 2018 deve ser de 15%, com faturamento superando os R$ 69 bilhões.
Com tanto mercado e otimismo em relação ao crescimento, é preciso estar preparado e criar estratégias assertivas que consigam conquistar os clientes, permitindo um aumento ainda maior das vendas no e-commerce. Isso porque, segundo a ABComm, quando um cliente é fidelizado, as chances de voltar a vender para ele chegam a 70%, enquanto a conversão de venda para um novo comprador derrubam as chances de sucesso da venda para 30%.

Clique aqui e baixe grátis o infográfico sobre as vantagens de investir em e-commerce

Se mercado não falta e pessoas dispostas a comprar também não, então o que pode atrapalhar essa equação? Respondeu certo quem pensou nos concorrentes! Para se destacar, portanto, é preciso estar atento. Por isso, reunimos aqui algumas estratégias que podem ser muito eficazes para aumentar as vendas no e-commerce, fidelizar os clientes e buscar um destaque em meio a tantas possibilidades para os consumidores. Confira!

Investimento em mídia paga impulsiona vendas no e-commerce

Diante do cenário que já desenhamos aqui, de mercado amplo, concorrência acirrada e muitos clientes dispostos a comprar, a mídia paga é uma boa opção que torna o caminho para chegar até seu cliente mais curto.

A principal ferramenta de busca segue sendo o Google, mas investir em outras opções, como o Bing, que corresponde a 10% de todas as buscas feitas no Brasil, também pode ser bastante eficaz. A conversão, em alguns casos, pode ser até melhor do que no Google, justamente pela baixa concorrência existente no buscador da Microsoft.

Para realizar divulgações e anúncios, é possível utilizar duas das ferramentas mais conhecidas com resultados significativos: o Google Adwords e o Facebook Ads. Em relação ao Bing (que falamos antes), se for utilizá-lo para ações pagas, é possível importar as especificações das outras ferramentas, eliminando a necessidade de repetir todo o processo.

Mas o melhor mesmo para potencializar os resultados é contratar uma empresa especializada no desenvolvimento deste tipo de trabalho, que vai saber conduzir com eficácia todas as ações. Assim, é possível conquistar maior retorno, desenvolvendo projetos que vão ao encontro dos objetivos do e-commerce.

Torne única a experiência do seu cliente

Você investiu em mídia paga e conseguiu atrair visitantes que se transformaram em consumidores ao efetivar uma compra. E então, de que maneira a experiência deles pode ser única para que ele se sintam importantes?

Uma boa dica é fornecer informações exclusivas por e-mails, por exemplo, mostrando novidades antes do lançamento. O e-mail marketing, neste caso, é uma boa ferramenta para informar e fidelizar o cliente. Mas lembre-se: ele precisa estar ciente e concordar em receber essas novidades em sua caixa de mensagens!

Aproveitar este recurso para ouvir o que o seu público tem a dizer, colocar-se à disposição e fazer um pós-venda bem planejado, questionando-o a respeito da experiência que ele teve ao comprar com o seu e-commerce, é fundamental e pode fornecer informações importantes para melhorar o atendimento.

Invista em inbound marketing

E quando o assunto é fornecer informações qualificadas para otimizar a experiência do cliente, o inbound marketing é uma ferramenta poderosa. Essa estratégia é eficiente ao potencializar o engajamento e conversão das personas, definindo requisitos para a distribuição de conteúdos de qualidade capazes de transformar marketing em vendas. Para isso, o inbound marketing se divide, basicamente, em quatro etapas estratégicas:

  • Atração: Na primeira etapa, o foco é atrair o seu público para os canais de comunicação do seu e-commerce. A principal ferramenta para que essa etapa tenha sucesso é o blog, que é o melhor recurso para compartilhar conteúdo. Você também pode replicar os conteúdos nas redes sociais, aumentando o alcance dos seus materiais.
  • Conversão: Depois de atrair, é hora de converter os visitantes em leads e, para isso, a coleta de informações de contato é um passo importante. Formulários no site ou blog, botões de chamada para ação e landing pages são formas eficientes para efetivar a conversão.
  • Fechamento: O terceiro passo é transformar aquele potencial cliente que foi atraído pelo blog em cliente. Utilizar um bom sistema de gerenciamento dessas etapas, que reúna e organize os leads conquistados, torna esse processo mais simples e assertivo, além de ajudar a fidelizá-los.
  • Encantamento: Fechar uma venda é uma vitória que exige muito esforço. Portanto, mais do que simplesmente vender, é preciso conquistar este cliente e encantá-lo pelos produtos e atendimento que você oferece. Além de fazer com que ele seja um cliente fiel, é interessante torná-lo um verdadeiro defensor e divulgador do seu e-commerce.

Ao seguir esse passo a passo, é possível, com o apoio de uma estratégia de conteúdo bem alinhada, motivar o seu público a comprar no seu e-commerce e, ao fim do processo, fidelizá-lo. Tudo vai depender do cuidado com que a sua empresa vai tratar esse trabalho. Para não ter dúvida no processo, confira um e-book que explica em detalhes o inbound marketing:

Clique aqui e baixe grátis o e-book sobre Inbound Marketing

Ofereça conhecimento e conquiste a confiança dos clientes no e-commerce

Pessoas bem informadas fazem boas escolhas. É possível que você já tenha ouvido essa frase, até porque ela vale para os mais diversos segmentos, inclusive na hora da compra. Não é mais novidade, portanto, que as pessoas pesquisem muito antes de efetivar uma compra, desde os preços até a qualidade e a experiência de outros consumidores. Por isso, desenvolver uma boa estratégia de marketing de conteúdo para as vendas no e-commerce pode fazer toda a diferença.

Segundo uma pesquisa realizada em 2015 pelo Groupon, 57% dos consumidores só efetivam uma compra on-line após consumirem informações suficientes sobre aquilo que precisam ou procuram. No Brasil, esse número chega a 72%. Apenas com esse dado já é possível mensurar a importância de oferecer conhecimento aos consumidores, não é mesmo?

Até porque, como o consumidor está comprando remotamente, ele precisa ter o máximo de informações e muita segurança sobre o que está prestes a adquirir, concorda? Quem oferecer melhor esses dois itens, vai sair na frente!

O marketing de conteúdo trabalha justamente neste aspecto, fortalecendo o relacionamento com os clientes ao oferecer uma experiência diferenciada por meio de informação qualificada, que se transforma em uma relação de confiança. Por isso, é preciso ter paciência. Os resultados serão conquistados em médio e longo prazo.

Clique aqui e descubra como gerar negócios para sua empresa com o e-book sobre Marketing de Conteúdo

Fidelizar os clientes e aumentar as vendas no e-commerce passa por um processo de construção de imagem e confiança. E isso é possível com atenção e investimento em ferramentas e ações assertivas, como as que vimos neste artigo. Se você precisar de ajuda nesse processo, conte com a gente! E não se esqueça de deixar a sua opinião sobre este artigo aqui no espaço de comentários. Sua opinião é muito importante para nós! E não esqueça de compartilhar com seus amigos!

Tópicos:

Comentários