A importância do mobile na hora de criar o site ou o blog da sua empresa

A importância do mobile na hora de criar o site ou o blog da sua empresa

Que a presença on-line é indispensável para manter um negócio atrativo e competitivo hoje em dia não é mais segredo para ninguém. Afinal, é a vitrine digital da sua empresa que muitas vezes se coloca como a grande responsável por conquistar os clientes. Mas se você está pensando em criar ou reformular o seu espaço digital, um alerta: está mais do que na hora de entender a importância do mobile.

Até alguns anos atrás, a experiência na tela do smartphone era muito subestimada ― o espaço era visto como um ecossistema secundário e imaturo. Hoje, a realidade é outra. Dar uma atenção extra para a interface e garantir uma boa experiência do usuário devem ser sempre as prioridades na hora de desenvolver um site ou blog. Nesse sentido, o mobile é a estratégia principal, sendo as demais apenas acompanhamentos e complementos da estrutura, ao contrário do que era realidade há pouco tempo. E tudo isso por um bom motivo: é no mobile que 80% do engajamento em plataformas e redes sociais acontece, de acordo com o Nielsen Media Research.

Além disso, dois terços do volume total de e-mails são diariamente abertos, lidos e enviados por meio de dispositivos móveis. Não é de se surpreender, então, que de acordo com o Google Adwords, quase 70% da receita dos seus anúncios vêm justamente de acessos mobile.

Pensar primeiro no mobile oferece mais oportunidades para o negócio

Segundo o Mobile Time, o Brasil foi o país que mais cresceu no número de compras via smartphones entre 2015 e 2017. Essa mesma pesquisa aponta ainda que 56% dos usuários que acessam a internet hoje o fazem por meio de um dispositivo móvel e que 61% deles se preocupam bastante em ter uma experiência satisfatória.

Então, chegada a hora de investir na sua plataforma, é imperativo que o empreendedor tenha em mente que sua presença digital precisa estar onde as pessoas estão. Afinal, investir na experiência do usuário é parte essencial da estratégia se a sua marca quiser criar uma conexão com o seu público-alvo.

Nesse universo de garantir a navegabilidade via mobile, as possibilidades não são poucas: existem os sites responsivos, cuja interface se adapta tanto para o uso no desktop quanto móvel; os sites mobile, desenvolvidos especialmente para smartphones e tablets; e ainda os aplicativos natos, os famosos apps.

Ao utilizar as novas tecnologias, melhorar a comunicação de sua empresa e a usabilidade do seu site, é muito provável que você se depare com esse que é o grande dilema de quem pensa em marketing digital: como saber a melhor opção para o seu negócio?

As várias formas de desenvolver um site respeitando a importância do mobile

Embora estejamos falando bastante da importância do mobile, isso não significa que o desktop precise ser desconsiderado. De maneira nenhuma! A intenção aqui é apenas alertar para dois padrões de comportamento: os usuários acessam a rede cada vez mais por dispositivos móveis. Em contrapartida, quem cria os sites, na maior parte das vezes, desenha tudo numa mentalidade desktop.

O que isso quer dizer? Significa que, por mais que um site abra no navegador do smartphone, se ele não é próprio para visualização nesse aparelho, o texto ficará ilegível, os botões difíceis de serem clicados e o usuário terá que fazer aquele movimento com dedos em pinça para dar zoom na tela e conseguir interagir com a página. Isso prejudica a experiência dele e, por consequência, os resultados de quem quer interagir com aquela pessoa, ou seja, a sua marca.

Por isso, o mobile precisa estar na mesa na hora de desenhar um site ou blog. E existem várias maneiras de fazer isso. Vamos conhecer algumas delas!

O que são sites responsivos?

Como já mencionamos, os sites responsivos são aqueles que automaticamente se adaptam em qualquer dispositivo que o usuário esteja visualizando com base no tamanho da tela em que são exibidos.

Ou seja, o site será mostrado sempre na melhor formatação visual, independentemente de o acesso ser feito por meio de desktop, notebook, smartphone ou tablet. É só pensar que, em um site sem esse formato, quanto menor o tamanho da tela, maior será o zoom para que se possa visualizar o conteúdo, prejudicando a experiência do usuário.

Em um site responsivo, ao contrário, não é o usuário que precisa dar zoom. Os próprios elementos da página se ajustam para se adequarem ao espaço existente na tela.

E os sites mobile, como funcionam?

O site mobile é uma plataforma própria para dispositivos móveis: smartphones ou tablets. São sites pensados exclusivamente para as telas menores, independentemente do tamanho que possuam. A contrapartida aqui é que eles não são adequados para visualização em desktop ou notebook. Por isso, as empresas que optam por este formato costumam desenvolver dois sites: um mobile e outro para desktop. Um exemplo é o site da Netflix.

Então, vale lembrar que o site mobile é, por essência, um site à parte da sua marca. Arquivos como imagens e scripts podem até ter o mesmo caminho, porém, os arquivos HTML são outros.

Então qual é o papel dos aplicativos natos?

Um aplicativo nato, o conhecido app, é desenvolvido de acordo com a linguagem de programação oficial do sistema operacional do smartphone (Android ou iOS, por exemplo), sendo capaz de se adaptar completamente ao dispositivo em que está sendo acessado.

Em outras palavras, um app pode explorar todos os recursos de um smartphone, permitindo que sua plataforma atinja uma performance muito superior, enviando notificações e realizando consultas mesmo estando off-line. São algumas vantagens e demandas que um aplicativo pode proporcionar.

Normalmente, os aplicativos servem como suporte aos canais oficiais de uma empresa. Pense, por exemplo, no aplicativo do seu banco: ele tem funções bem específicas para movimentação das contas, solicitação de empréstimos e outros serviços. Mas dificilmente ele vai ter um texto institucional, a explicação dos produtos oferecidos e links para outros canais da instituição.

Dessa maneira, se você tem uma indústria que fabrica artigos de decoração, o aplicativo pode oferecer funcionalidades para os arquitetos fazerem especificação, simulação de ambientes, consulta do portfólio e outras opções práticas. O canal que vai falar da sua empresa, explicar os seus produtos e se posicionar na rede não é o aplicativo, mas, sim, o seu site.

Como escolher entre site responsivo, site mobile ou app?

Já falamos um pouco sobre isso, mas sempre vale reforçar para não restar nenhuma dúvida. A resposta para essa pergunta vai depender, primeiramente, do tipo de projeto que a sua empresa tem pela frente. Se a ideia é oferecer uma opção mobile depois de ter recém-desenvolvido um site exclusivo para desktop, o site mobile talvez seja a melhor opção. Isso porque ele é praticamente um novo portal independente, permitindo ao desenvolvedor ter mais liberdade de criação.

Agora, se a intenção é desenvolver uma plataforma da estaca zero, o site responsivo com certeza se destaca como o melhor investimento. Além de otimizar a indexação no Google e demais buscadores, é possível fazer um estudo e uma análise de como cada elemento do site vai se comportar para cada tamanho de tela. A maior vantagem do site responsivo é o fato de que sua empresa vai utilizar sempre o mesmo código e as mesmas imagens para todos os dispositivos.

Quanto ao aplicativo, a boa notícia é que ele pode sempre ser encaixado na estratégia da sua empresa, independentemente da escolha por um site mobile ou um site responsivo. Isso porque, conforme dissemos, embora o app exija um bom investimento, ele é um complemento da jornada do consumidor em direção à sua marca que só tende a engrandecer a experiência e a presença digital do seu negócio.

Então, se você quiser qualificar a sua presença na rede, não deixe de considerar as informações que apresentamos aqui e programar uma reforma do seu site ou blog. E caso você tenha chegado neste artigo justamente porque está planejando reformular seu site, é bom pensar de maneira mais abrangente e elaborar um planejamento estratégico digital para garantir que seus esforços tragam resultados positivos. Para isso, temos um e-book bastante esclarecedor. Clique abaixo e faça o download gratuitamente!

Clique aqui e baixe grátis o e-book sobre Planejamento Estratégico Digital

Se ainda restou alguma dúvida, utilize o espaço abaixo para deixar a sua mensagem. Caso prefira, entre em contato conosco! Estamos sempre à disposição para auxiliar nas suas necessidades!

Tópicos:

Comentários